Quem somos

Primeiramente, como surgiu o blog

Era final de 2016. Eu (Cayo) e Debs, ambos cariocas, morando há menos de 1 ano em Curitiba, quando fui demitido da startup que trabalhava (por divergências culturais com o CEO).

Depois de anos trabalhando como programador para startups brasileiras, pensei que eu poderia transformar esse infortúnio em uma oportunidade e finalmente começar a trabalhar para o exterior!

Comecei a aplicar pra algumas vagas em diversos países e algumas semanas depois comecei a trabalhar na excelente Bonsai.

Após alguns meses trabalhando remotamente para essa empresa, que ficava em São Francisco e hoje em dia nem tem mais escritório físico, vimos uma nova oportunidade: realizar o sonho de nos tornarmos nômades digitais. Afinal:

  • ambos trabalhávamos remotamente (Debs na época cuidava full-time do nosso canal do youtube);
  • já estávamos morando longe dos nossos amigos e parentes do Rio de Janeiro;
  • estávamos em um apartamento alugado que já estava praticamente todo mobiliado quando chegamos. Havíamos comprado poucas coisas grandes pro mesmo;

Fizemos algumas contas e descobrimos a grande verdade: morar no Brasil é caro! Morar na Argentina, na Bolívia, em Praga, na Indonésia ou na Tailândia pode ser muito mais barato!

Foi então que demos ou vendemos boa parte do que tínhamos, deixamos algumas coisas mais queridas na casa de parentes e começamos a vida nômade!

Vários países depois, percebemos que: já que temos que fazer uma extensa pesquisa sobre cada cidade ou país, que temos interesse de morar por um tempo para descobrir qual a melhor época para visitá-lo, podíamos facilitar a vida de outros viajantes ou nômades ao compartilhar o resultado das nossas pesquisas.

E assim nasceu este blog 😎
Não vai ser um blog de viagens como os outros, onde as pessoas falam de tudo que é relacionado a viagem. Este aqui vai resolver um único problema que é muito recorrente pra gente: descobrir qual é a melhor época para viajar pra determinada cidade ou país!

Espero que nossa história sirva de inspiração pra que você veja que não é impossível se tornar nômade e que é possível tornar algo que aparentemente é um problema, em uma oportunidade. 😁

Cayo (yogodoshi)

Sou carioca, tenho 30 anos, amo cães, curto futsal, ler fantasia medieval, jogar videogame, assistir anime e criar projetos web. No lado profissional, sou formado em design digital mas sempre preferi e trabalhei como programador. Me interesso também por marketing e UX.

Nas viagens curto tentar entender um pouco da cultura local, ir em lugares variados, dos mais simples aos mais chiques (desde que não custe um rim né) e acabei descobrindo que amo provar diferentes comidas e doces! Provavelmente culpa de certas séries da netflix

Déborah (debs)

Sou carioca, tenho 29 anos, nômade digital desde 2017, formada em Design Gráfico e trabalhando com Social Media na BitCake. Meus hobbies favoritos são jogar Dota 2 e comer.

Sempre gostei de viajar e em 1 ano e meio já passamos por 10 cidades, sendo 6 países diferentes, e já planejamos os próximos destinos até o final do ano. Ficar longe do meu cachorro é a parte mais difícil, mas tenho certeza que ele entenderia (ou não) que esse sempre foi meu sonho de vida e preciso aproveitar esse momento.